ANQ, EP

Jovens

Para concluir o ensino básico (9.º ano) e o ensino secundário (12.º ano) através de uma aprendizagem mais prática, associada a uma profissão, e que permita continuar a estudar ou integrar o mercado de trabalho, existem vários percursos de dupla certificação (escolar e profissional) dirigidos aos jovens - Cursos Profissionais (CP), Cursos de Educação e Formação (CEF) de jovens, Cursos Artísticos Especializados (CAE) e Cursos de Especialização Tecnológica (CET). •••

Adultos

Existem diversos percursos de qualificação que, ao longo da vida, permitem obter uma certificação escolar de nível básico (4.º, 6.º ou 9.º ano) ou de nível secundário (12.º ano) e/ou uma certificação profissional, como o Reconhecimento Validação e Certificação de Competências (RVCC), os Cursos de Educação e Formação de Adultos (EFA), as Formações Modulares Certificadas (FMC) ou as Vias de Conclusão do Ensino Secundário (DL n.º 357/2007). É ainda possível obter uma qualificação através da avaliação de uma Comissão de Avaliação e Certificação (CAC) ou do reconhecimento de títulos estrangeiros. •••

Entidades

As entidades do Sistema Nacional de Qualificações, de natureza pública ou privada, promovem a qualificação, formação e aprendizagem para o desenvolvimento pessoal, bem como a progressão escolar e profissional dos cidadãos. A rede de entidades integra os Centros Qualifica, as escolas, os centros de formação profissional do IEFP e as entidades formadoras certificadas pela DGERT. •••

Quality Assurance in VET: Placing People First | 2 de junho - ANQEP

No dia 2 de junho a ANQEP organizou a conferência “Quality Assurance in VET: Placing People First” onde cerca de 580 pessoas assistiram ao evento. Pode ver ou rever a conferência no canal do YouTube da ANQEP, aqui, e aceder às apresentações dos palestrantes, aqui.

Future of Education and Skills 2030

Future of Education and Skills 2030, da OCDE, visa ajudar os sistemas de educação a determinar conhecimentos, competências, atitudes e valores que os alunos precisam para prosperar e moldar seu futuro. Na "3rd Global Forum on the Future of Education and Skills 2030” foram analisados temas que se prendem com o CV Digital e com a Educação Pós Covid, num workshop virtual que contou com a participação dos alunos da Escola Técnica Profissional da Moita e de outros jovens de escolas da Europa. Os pontos explorados relacionam-se com a vertente digital da educação e a necessidade de desenvolver novas competências, ao nível do currículo, naquilo a que podemos chamar uma “era pós COVID”. Como melhorar a consciência e criatividade dos professores foi outro dos assuntos abordados. A OCDE é a entidade promotora desta iniciativa que dá voz aos alunos e promove a sua interação.

Comissão Europeia lança Plataforma para as Competências e o Emprego na Área Digital

A Comissão Europeia, em articulação com vários parceiros dos Estados-Membros, lançou, no dia 20 de maio, a Plataforma para as Competências e o Emprego na Área Digital. Esta plataforma consiste num balcão único para informações, iniciativas, práticas e recursos de elevada qualidade em matéria de competências digitais. Numa altura em que 42% dos europeus carecem de competências digitais básicas, a nova plataforma pretende contribuir para colmatar o défice de competências digitais na Europa e ainda para reforçar a coligação europeia para a criação de competências e emprego na área digital, bem como as suas 25 coligações nacionais. De acordo com o comunicado da Comissão Europeia, juntamente com o Programa Europa Digital e o Mecanismo de Recuperação e Resiliência, esta plataforma irá contribuir para os objetivos da Década Digital da Europa, nomeadamente para que, até 2030, pelo menos, 80% dos europeus disponham de competências digitais básicas e para que 20 milhões de especialistas em tecnologia digital estejam empregados. Irá contribuir igualmente para o Pacto para as Competências, um modelo de compromisso comum para o desenvolvimento de competências na Europa. A plataforma é financiada pelo Mecanismo Interligar a Europa. Poderá aceder a mais informações aqui.

Ciclo de conferências “A emergência da Sustentabilidade“ - ISCTE

O ISCTE iniciou a 18 de maio um Ciclo de Conferência intitulado “A Emergência da sustentabilidade”. Este ciclo de conferências pretende ser um espaço de reflexão e partilha sobre a Agenda 2030 das Nações Unidas, tendo por objetivo colocar o tema como uma preocupação para a comunidade em geral e uma preocupação estratégica para os decisores organizacionais. Pretende ainda dinamizar o desenvolvimento e a interação mútua entre o ISCTE e o meio evolvente organizacional. O Ciclo de Conferências conta com a participação da Vogal do Conselho Diretivo da ANQEP, Ana Cláudia Valente, no dia 1 de junho, no tema “Sustentabilidade e Pessoas”. Obtenha mais informações sobre o programa e inscrições aqui.

EPALE: Iniciativa Histórias da Comunidade 2021

A Plataforma Eletrónica para a Educação de Adultos na Europa (EPALE) lançou uma nova edição da iniciativa Histórias da Comunidade!
Através desta iniciativa, a EPALE convida os profissionais de educação e formação de adultos a partilharem as suas histórias e experiências nos domínios da educação e formação relacionando-as com os três focos temáticos deste ano da EPALE:
• competências para a vida para capacitar os adultos a aprenderem e participarem;
• a Transição Digital e as oportunidades de aprendizagem combinada;
• a Mudança Social Inclusiva para a Sustentabilidade e Justiça.
Assim, até ao dia 29 de outubro de 2021, os profissionais de educação e formação de adultos podem submeter as suas histórias, acompanhadas por fotos, através do link https://epale.ec.europa.eu/en/form/community-stories-initiative, sendo convidados a relatá-las, dando destaque:
• aos projetos atuais em que estejam envolvidos;
• aos aspetos mais interessantes das suas experiências enquanto profissionais de educação e formação de adultos;
• à forma como o seu trabalho se alterou nos últimos anos;
• aos desafios futuros no campo da educação e na sua área específica de interesse.
Este ano, a iniciativa integra a disponibilização de brindes com a marca EPALE aos primeiros 100 utilizadores da EPALE que submetam uma história que venha a ser aceite.
Para além disso, todos os meses, de maio a novembro, haverá ainda um sorteio entre os utilizadores que comentarem as histórias: 5 utilizadores por mês de entre os que fizerem comentários às histórias publicadas serão escolhidos aleatoriamente e receberão um brinde. Os comentários deverão ser relevantes e relacionados com o tópico para serem considerados elegíveis.
Participe e obtenha mais informação sobre esta iniciativa aqui.

Livro de Histórias da Comunidade 2020

118 histórias inspiradoras de profissionais de educação e formação de adultos de toda a Europa compõem a edição de 2020 do Livro de Histórias da Comunidade EPALE. Este livro resulta do desafio lançado, em 2020, pela Plataforma Eletrónica para a Educação de Adultos na Europa (EPALE), para que estes profissionais relatassem as suas experiências a propósito da pandemia, relevando técnicas inovadoras de formação online e novas soluções para fazer face ao sentimento de isolamento e assegurar as medidas de distanciamento social. A publicação agrupa as histórias em quatro categorias (Inclusão Social; Competências Básicas; Cultura e Competências para o Trabalho), não obstante cada história estar indexada a um assunto específico, identificado por um hashtag. 8 das 118 histórias correspondem a relatos de profissionais de educação e formação de adultos portugueses, na sua maioria a trabalhar em Centros Qualifica.
Para obter este livro revelador das experiências vividas por estes profissionais no período inicial da pandemia, aceda ao link e registe-se na EPALE, passando a fazer parte desta comunidade alargada de profissionais de educação e formação de adultos de toda a Europa.

Acelerador Qualifica: incentivo financeiro de aproximadamente 500 euros, atribuído a quem pretenda concluir a sua formação

Presidente da ANQEP falou ao Expresso sobre o que vai ser o Acelerador Qualifica, o novo incentivo ao aumento dos níveis de qualificação, dirigido a adultos com habilitação inferior ao ensino secundário. O montante está previsto no âmbito do Programa Qualifica e, no total, o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) apresentado por Portugal prevê €55 milhões a distribuir por 100 mil adultos inscritos em processos de reconhecimento, validação e certificação de competências (RVCC) até 2025. Os processos de RVCC são uma mais valia para concluir percursos de qualificação. Através de um RVCC, os adultos podem ver reconhecidos conhecimentos e capacidades que adquiriram ao longo da vida, em formação contínua ou através de experiência profissional, e têm sempre pelo menos 50 horas de formação complementar obrigatória. Até agora era a única modalidade que não contava com qualquer tipo de apoio aos formandos. Leia a notícia do Expresso aqui.

 

Novo estudo do CEDEFOP sobre o futuro da Educação e Formação Profissional

O novo estudo do CEDEFOP (European Centre for the Development of Vocational Training) sobre o futuro da Educação e Formação Profissional (EFP), pretende recolher a opinião dos operadores da EFP sobre as mudanças recentes e o caminho futuro da EFP, com vista a contribuir para uma melhor compreensão dos desafios e oportunidades que a EFP europeia enfrenta na próxima década. Um dos principais focos do estudo é compreender a forma como a oferta de EFP se alterou no passado recente e como se espera que mude no futuro. Dada a importância do contributo dos operadores da EFP, o CEDEFOP convida-os a responderem a um pequeno questionário, disponível aqui.

CIMBAL | Fórum de divulgação da oferta educativa e formativa do Baixo Alentejo

A CIMBAL, Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo, está a realizar o Projeto + Sucesso Educativo no Baixo Alentejo, financiado pelo Programa Operacional Alentejo 2020, que tem como objetivo geral promover a igualdade no acesso ao ensino, a melhoria do sucesso educativo dos alunos e a qualidade e eficiência do sistema de educação. Neste âmbito, a CIMBAL irá realizar nos dias 7, 8 e 9 de junho o “Fórum de divulgação da oferta educativa e formativa do Baixo Alentejo”. Entre as temáticas a abordar encontra-se o sistema EQAVET, que contribuirá para afirmar e reforçar a qualidade do ensino profissional junto da comunidade. Saiba mais aqui.

QUALITY ASSURANCE IN VET: PLACING PEOPLE FIRST | 2 de junho - ANQEP

No decorrer da Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia, a Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP) promove amanhã, 2 de junho, em formato digital, a conferência “Quality Assurance in VET: Placing People First”. Este evento terá como tema aglutinador da discussão a garantia da qualidade na educação e formação profissional, numa perspetiva de aprendizagem ao longo da vida. A conferência irá integrar três painéis. O primeiro incidirá na implementação, em Portugal, do modelo EQAVET que envolve diferentes stakeholders, dando a conhecer os benefícios e os desafios da sua aplicação. No segundo painel será apresentado o modelo de garantia da qualidade nos Centros Qualifica, no âmbito da gestão pela ANQEP do Programa Qualifica e contribuindo para a implementação em Portugal da Agenda Europeia para a Educação de Adultos. Serão também apresentados os resultados de um projeto desenvolvido em articulação com a Comissão Europeia e a OCDE, visando o reforço da garantia da qualidade na educação e formação de adultos em Portugal. No terceiro painel serão abordadas as políticas e práticas nacionais e europeias de monitorização dos operadores e de acompanhamento dos percursos dos diplomados da educação e formação profissional. A conferência conta com as intervenções do Secretário de Estado Adjunto e da Educação, João Costa, e do Secretário de Estado Adjunto, do Trabalho e da Formação Profissional, Miguel Cabrita. Consulte aqui o programa da conferência.

XVI Jornadas de Cooperación Educativa con Iberoamérica. Plenario anual de RIINEE

Hoje, 26 de maio, realizam-se as "XVI Jornadas de Cooperación Educativa con Iberoamérica. Plenario anual de RIINEE", uma organização conjunta do Ministerio de Educación y Formación Profesional, de Espanha, da UNESCO e da AECID (Agencia Española de Cooperación Internacional para el Desarrollo). As Jornadas vão abordar questões de Género e Deficiência na América Latina e os desafios para a inclusão de alunos com deficiência na recuperação da crise educacional produzida pela COVID-19. Este evento irá contar com a presença da Vogal do Conselho Diretivo da ANQEP, Alexandra Figueiredo.

Jornadas da Educação da CM de Vila Franca de Xira | Ensino Profissional +

As Jornadas da Educação organizadas pelo Município de Vila Franca de Xira pretendem debater com docentes, pessoal não docente, pais e encarregados de educação, técnicos com funções na área da educação, alunos e restante comunidade, temas que reflitam a diversidade da intervenção da Escola e de Vila Franca de Xira. Hoje, 26 de maio, às 18:00, irá realizar-se o Encontro Temático dedicado ao Ensino Profissional + e conta com a participação da Vogal do Conselho Diretivo da ANQEP, Dra. Alexandra Figueiredo. Este Programa reflete a aposta nas ofertas de formação qualificante nas escolas públicas, enquadrada no objetivo de combate ao insucesso e abandono escolar e na facilitação escola-mercado de trabalho, trazendo as empresas para o diálogo com o sistema educativo. Poderá aceder ao programa das Jornadas da Educação do Município de Vila Franca de Xira, aqui.

Encontro Nacional de Educação e Formação de Adultos

No próximo dia 28 de maio vai realizar-se, por videoconferência, o Encontro Nacional de Educação e Formação de Adultos. As temáticas relacionadas com a Educação e Formação de Adultos, os desafios e as boas práticas, debatidos por um conjunto de especialistas nesta área. A ANQEP marcará presença, através da participação da Presidente do Conselho Diretivo, Filipa Henriques de Jesus, com a intervenção “Qualificação de adultos em Portugal: o Programa Qualifica e o valor da certificação” no Painel 1, dedicado a debater “As políticas de Educação e Formação de Adultos no contexto nacional. Desafios para a formação de adultos.”
A participação é gratuita, mas sujeita a inscrição até dia 26 de maio, pode consultar mais informações aqui.

Primeiras Jornadas do Ensino Profissional - Escola Secundária 3.º CEB de Cristina Torres

A Escola Secundária 3.º CEB de Cristina Torres, sede do Agrupamento de Escolas Figueira Norte, irá realizar no dia 27 de maio as Primeiras Jornadas do Ensino Profissional, com o objetivo de auxiliar os jovens do Concelho da Figueira da Foz a compreender a forma como o ensino e a formação profissionais constituem uma janela de oportunidade para um futuro promissor.  A Escola Secundária com 3.º CEB de Cristina Torres obteve no presente ano o selo de conformidade EQAVET por 3 anos. Alexandra Figueiredo, Vogal do conselho Diretivo da ANQEP, irá participar nestas jornadas.  Pode consultar o Programa aqui.

Relatório OCDE “Adapting Curriculum to Bridge Equity Gaps“

A OCDE lançou a 11 de maio o relatório “Adapting Curriculum to Bridge Equity Gaps: How can education systems create more inclusive curricula? “. Pela primeira vez, o projeto "Futuro da Educação e Competências 2030" da OCDE realizou uma extensa análise curricular com variadíssimos stakeholders, desde decisores políticos, a professores e, o mais importante, alunos. Este relatório é um de seis que apresentam as primeiras análises comparativas sobre currículo, resumindo a literatura existente, os desafios e estratégias comunicados pelos países e quais as lições aprendidas com as consequências não intencionais que os países experimentaram com as suas reformas curriculares. As principais tendências em inovações curriculares em direção a um "currículo do século 21" são quatro: currículo digital, currículo personalizado, competências transversais e um currículo baseado em conteúdos flexíveis. Ainda que estas inovações contenham a promessa de melhorar a aprendizagem e o bem-estar dos alunos e de tornar a aprendizagem mais relevante para a sua vida social e futura, os países e as escolas enfrentam complexas realidades no que se refere à equidade entre alunos. Este relatório apresenta uma visão pragmática da igualdade, equidade e inclusão no currículo, examina como o currículo pode ser adaptado para atender às necessidades específicas de diversos alunos, particularmente alunos mais vulneráveis. Apresenta, ainda, uma série de estratégias que os países usam para desenhar currículos, para que nenhum aluno seja deixado para trás.

ANQEP convidada para audição na Assembleia da República

Decorreu a 18 de maio a audição da Presidente do Conselho Diretivo da ANQEP, Filipa Henriques de Jesus, a convite do Grupo de Trabalho Técnico Auxiliar de Saúde que se encontra a apreciar, na especialidade, os Projetos de Lei n.º 485/XIV/1.ª – “Cria e regula a carreira de Técnico Auxiliar de Saúde” e 568/XIV/2.ª – “Define os princípios gerais respeitantes ao exercício da profissão de Técnico Auxiliar de Saúde”.

Novo site da EPALE

A Plataforma Eletrónica para a Educação de Adultos na Europa (EPALE) tem um novo site, mais apelativo, rápido e amigável. Para além de um novo design, o novo site da EPALE integra agora um menu com quatro novos itens, integrando novas funcionalidades criadas a pensar nas necessidades e nos interesses dos profissionais de educação e formação de adultos de toda a Europa. O primeiro - Contribuir - permite aceder e submeter conteúdos e ainda participar nas atividades da comunidade, como por exemplo, discussões online na iniciativa Histórias da Comunidade. O segundo – Colaborar – é, por excelência, o item dedicado à cooperação e ao intercâmbio, permitindo o acesso a comunidades de prática ou a pesquisa de parcerias para a realização de projetos ou troca de pontos de vista. O terceiro – Aprender – é o espaço reservado à melhoria de competências e à requalificação, disponibilizando Cursos Online Abertos e Massivos, bem como recursos. Por fim, no último item em destaque - A Minha EPALE – permite consultar a presença de cada utilizador na EPALE e agiliza a sua ligação/colaboração na plataforma. Se é profissional de educação e formação de adultos e ainda não faz parte desta comunidade, aceda, registe-se e beneficie de todas as funcionalidades que esta plataforma tem ao seu dispor. Saiba mais na página da EPALE, aqui.

Competências para uma vida saudável na era Covid: próxima discussão online na EPALE

A próxima discussão online da EPALE vai acontecer no dia 20 de maio, entre as 9:00 e as 15:00, em torno do tema “Desenvolvimento de competências para uma vida saudável na era COVID”.

 

A discussão escrita será precedida por uma transmissão ao vivo com especialistas da European Basic Skills Network (EBSN) e da EuroHealthNet que irão apresentar iniciativas internacionais no domínio da literacia para saúde, tendo em vista a superação das desigualdades dos cidadãos em matéria de saúde. A discussão escrita e a transmissão ao vivo serão moderadas por Graciela Sbertoli, Secretária-Geral da EBSN, e por Tamás Harangozó, Editor desta rede.

 

Os comentários escritos estão abertos, pelo que já poderá partilhar com os profissionais de educação e formação de toda a Europa a sua experiência, pontos de vista e expetativas neste domínio. 

Saiba mais sobre esta discussão no sítio da EPALE, aqui.

Publicação OCDE | “21st-Century Readers: Developing literacy skills in a digital world"

Foi lançado no passado dia 4 de maio, o relatório: “21st Century Readers: Developing literacy skills in a digital world”, pela OCDE. Este documento revela as principais conclusões sobre como os alunos de 15 anos desenvolvem as competências de leitura, num mundo cada vez mais digital.

 

Apenas 47% dos jovens inquiridos consegue distinguir um facto de uma opinião. Em Portugal, essa percentagem sobe para 50%. Cerca de um em cada cinco alunos dos países da OCDE admitiu sentir-se “perdido” ao navegar por páginas diferentes. No que diz respeito à leitura, os alunos portugueses obtiveram pontuações dentro da média da OCDE. Pode consultar o relatório aqui.

Catálogo Nacional de Qualificações: Segurança e Saúde no Trabalho situações epidémicas/ pandémicas

No quadro do atual contexto mundial e da necessidade de estabelecimento de medidas excecionais e temporárias relativas à Covid-19, foi concebida e disponibilizada no Catálogo Nacional de Qualificação (CNQ) a unidade de formação de curta duração (UFCD) “Segurança e Saúde no Trabalho - situações epidémicas/pandémicas”.

Esta UFCD responde às mais recentes diretrizes internacionais e nacionais definidas pela OIT, ACT e DGS para adaptar os locais de trabalho e proteger os trabalhadores num contexto de pandemia.
É uma UFCD de 25 horas, integrada em 166 qualificações, de nível 2 e nível 4 do Quadro Nacional de Qualificações (QNQ), distribuídas por 39 áreas de educação e formação.

Desde a sua disponibilização no CNQ, a 22 de maio de 2020, conta já com  10788 adultos certificados. Consulte mais informação sobre esta UFCD no CNQ https://catalogo.anqep.gov.pt/ .

 

Lançamento da Consulta Pública sobre Contas de aprendizagem individuais

A Comissão Europeia lançou uma consulta pública sobre Contas de aprendizagem individuais. A consulta está aberta até 16 de julho e procura recolher os pontos de vista dos indivíduos e das partes interessadas sobre formas de definir o problema, bem como sobre os objetivos, o conteúdo e os impactos da iniciativa proposta.

As transições gémeas, verde e digital, e as perturbações provocadas pela COVID-19 trazem mudanças estruturais significativas aos mercados de trabalho e mudarão profundamente as necessidades de qualificação de muitos empregos. Isto aumenta a importância do desenvolvimento de competências ao longo da vida para preencher lacunas, apoiar as transições no mercado de trabalho e promover a inclusão social.

As Contas de aprendizagem individuais podem ajudar a garantir que os adultos continuem a desenvolver as competências de que precisam, independentemente da sua situação profissional? Qual é a sua opinião? 

São convidados a participar os cidadãos, as autoridades públicas nacionais, organizações que representam autoridades regionais, locais e municipais, parceiros sociais, a indústria/empresas, organizações não governamentais, operadores de ensino e formação, empresas de consultoria, organizações internacionais e investigadores.

Pode participar na presente consulta pública respondendo ao questionário online. O questionário está disponível em português (PT).

VII Congresso Nacional da Formação Profissional

Nos dias 20 e 21 de maio irá realizar-se, exclusivamente online, o VII Congresso Nacional da Formação Profissional com o tema: Gestão da Qualidade na Educação e Formação. Este evento conta com a presença da Presidente do Conselho Diretivo da ANQEP, Filipa Henriques de Jesus, e do Vice-Presidente do IEFP, António Leite, na Sessão de Encerramento. Para mais informações e inscrições, aqui.

OCDE Publicações recentes na área da Educação

A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Económico (OCDE) publicou recentemente dois relatórios no âmbito da Educação: Teachers and Leaders in Vocational Education and Training, publicado a 31 de março; e The State of School Education, publicado a 01/04.

 

O relatório Teachers and Leaders in Vocational Education and Training ,consulte aqui, resulta do estudo que a OCDE realizou, com vista a ajudar os países a desenvolverem, manterem e melhorarem o ensino e a liderança da força de trabalho na EFP. este relatório centra-se nos professores e líderes institucionais dos cursos de EFP de nível secundário, pós-secundário e do ciclo curto do ensino superior (CITE 3-5), dando especial atenção ao nível secundário. Destacamos que a ANQEP colaborou neste estudo da OCDE. Veja os principais destaques aqui.

 

O relatório The State of School Education, consulte aqui, apresenta o estado da educação nas escolas, um ano após o início da pandemia gerada pela COVID-19, concluindo que “em 2020, 1,5 mil milhões de alunos em 188 países/economias foram impedidos de estudar”. O relatório retrata a forma como os países têm vindo a responder à crise, considerando aspetos como o encerramento das escolas, a aprendizagem feita remotamente, a vacinação dos professores ou o regresso gradual ao ensino presencial. A análise efetuada tem sobretudo em conta as oportunidades de aprendizagem consideradas perdidas e as estratégias para compensar esta situação. Veja os principais destaques aqui.

Sessão de “Lançamento online do Guia de Implementação para o Reforço da Garantia da Qualidade na Educação e Formação de Adultos em Portugal”

Decorreu hoje, 21 de abril, a Sessão de “Lançamento online do Guia de Implementação para o Reforço da Garantia da Qualidade na Educação e Formação de Adultos em Portugal”, organizada pela OCDE, em conjunto com a Comissão Europeia e com a ANQEP. Este evento contou com a participação do Secretário de Estado Adjunto e da Educação, João Costa e do Secretário de Estado Adjunto, do Trabalho e da Formação Profissional, Miguel Cabrita. Contou também com a presença da Presidente do Conselho Diretivo da ANQEP, Filipa Henriques de Jesus, e com o Embaixador Permanente de Portugal na OCDE, Bernardo Lucena.

 

Portugal tem feito grandes investimentos no aumento do nível de educação e formação em adultos. Com o Programa Qualifica, têm vindo a ser realizados investimentos em grande escala na qualificação e requalificação de adultos. Para além da necessária expansão da oferta de oportunidades de educação e formação para adultos, a qualidade e a relevância da formação ao longo da vida são igualmente dimensões fundamentais desta aposta.

 

O Guia de Implementação para o Reforço da Garantia da Qualidade na Educação e Formação de Adultos em Portugal distingue duas dimensões-chave de garantia de qualidade: (i) a certificação das entidades formadoras; (ii) a monitorização dessas entidades e dos percursos de formação dos adultos, nomeadamente, dos seus resultados na melhoria das qualificações e no aumento dos níveis de empregabilidade. Pode aceder às Key Findings aqui, e ao Guia completo aqui.

Novo site do Catálogo Nacional de Qualificações

Já está disponível o novo site do Catálogo Nacional de Qualificações (CNQ). Mais de uma década depois da criação do CNQ, pretende-se agora tornar o site mais legível e ajustado às necessidades dos seus utilizadores.

 De entre as várias alterações, salienta-se a:

  • Maior visibilidade ao conjunto de atividades e competências associadas a cada qualificação, bem como, maior visibilidade às vias de acesso à qualificação;
  • Integração de percursos de formação de curta e média duração, para jovens e adultos, em áreas emergentes e de valor acrescentado para a economia;
  • Integração de Unidades de Competência (UC) / Unidades de Formação de Curta Duração (UFCD) relativas a Competências Transversais;
  • Possibilidade de aceder às qualificações por Conselho Setorial para a Qualificação;
  • Possibilidade de consultar, de forma autónoma, UC a UC, o referencial de competências chave de educação e formação de adultos – nível  básico e  nível secundário;
  • Possibilidade de integrar qualificações estruturadas em UC, que se baseiam e se descrevem em resultados de aprendizagem (RA).

Página PIAAC na ANQEP, IP

A qualificação dos portugueses tem sido considerada como um dos pilares fundamentais em que assenta o crescimento económico e a coesão social. Este princípio basilar tem-se concretizado num conjunto de ações que procuram reforçar a educação, a formação e a aprendizagem ao longo da vida.

 

Neste contexto é fundamental a participação de Portugal num programa que permita conhecer em profundidade as competências da população portuguesa adulta, comparando-as a nível internacional e analisando a sua relação quer com as dinâmicas económicas e dos mercados laborais, quer com as diferentes modalidades de educação, formação e certificação.

 

Assim, Portugal participa no 2.º Ciclo do Programa Internacional para a Avaliação das Competências dos Adultos (Programme for the International Assessment of Adult Competencies, PIAAC), promovido pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE).

 

No site da ANQEP, I.P., aqui, poderá aceder a mais informação sobre o PIAAC: o Programa Internacional para a Avaliação das Competências dos Adultos (Programme for the International Assessment of Adult Competencies) um programa internacional multiciclo de avaliação das competências dos adultos desenvolvido em Portugal por um Grupo de Projeto, com apoio logístico e administrativo da ANQEP.

 

Rede de ofertas profissionali- zantes 2021/2022

Está disponível a Circular nº 1/ANQEP/2021 relativa ao processo planeamento e concertação das redes de ofertas profissionalizantes para o ano letivo 2021-2022, onde se definem as orientações metodológicas, os critérios de ordenamento, os procedimentos e calendarização desse processo, e respetivos anexos:Anexo I - Critérios de ordenamento da rede de Cursos de Educação e Formação de Jovens, para o ano letivo 2021-2022;Anexo II - Critérios de ordenamento da rede de Cursos Profissionais, para o ano letivo 2021-2022.

Programa Qualifica

Programa Qualifica

Programa dirigido a adultos que permite melhorarem as suas qualificações escolares e profissionais, possibilitando o aumento dos seus níveis educação e formação.

Catálogo Nacional de Qualificações

Um instrumento de gestão estratégica das qualificações nacionais de nível não superior e de regulação da oferta formativa de dupla certificação.